Terça, 30 de Novembro de 2021
°

-

Dólar
R$ 5,61
Euro
R$ 6,32
Peso Arg.
R$ 0,06
Anúncio
Sociedade sociedade

Governo reafirma compromisso de reconstruir vila de Palma

Cabo Delgado

19/04/2021 às 12h14
Por: Horacio mahumane
Compartilhe:
Governo reafirma compromisso de reconstruir vila de Palma

O GOVERNO reafirmou estar empenhado na reconstrução da vila de Palma, província de Cabo Delgado, que foi alvo de ataque terrorista que destruiu infra-estruturas públicas e privadas, e provocou a morte de dezenasde pessoas.

Para tal, o Ministro da Defesa Nacional, Jaime Neto, disse recentemente estar a decorrer o levantamento de todos os danos causados pelos terroristas para posteriormente se definiremas melhores formas de actuação.

“Houve danos, perdas de vidas que lamentamos muito, estando em cursoolevantamento para se determinar que passo deve ser dado para repor o funcionamento dos diferentes órgãos públicos e privados”, disse Jaime Neto, assegurando que as Forças de Defesa e Segurança (FDS) estão neste momento em todos os locais, pois têm a missão de defender a pátria e a integridade do território.

Refira-se quehá dias o Governo anunciou um plano avaliado em 7 mil milhões de meticais para apoio imediato às famílias afectadas pelos ataques e intervenções para o desenvolvimento socioeconómico da vila.

O valor servirá para melhorar as condições de alimentação, abrigo e educação, bem como relançar o sector privado e incentivar pequenas actividades para a geração de rendimento daspessoas deslocadas.

A cidade de Pembatem sido o principal destino das pessoas que fogem dos ataques armados que começaram em 2017 em distritos do norte da província.

O ataque do dia 24 de Março à vila de Palma resultou na morte de dezenas de cidadãos e destruição de diversas infra-estruturas, o que provocou a fuga da população em busca de segurança na cidade de Pemba e outros distritos e províncias vizinhas.

Os atacantes entraram na vila em três direcções, nomeadamente do cruzamento de Pundanhar-Maguna, via Nhica do Rovuma e Aeródromo, obrigando os residentes a abandonar suas residências e refugiar-se às matas.

 
 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias